Autárquicas 2017: António Morão sai do PS para apoiar Jorge Gaspar

Leia a notícia na íntegra na edição impressa do Jornal de Cá, sexta-feira nas bancas!

1.314

 

António Morão, militante socialista no Cartaxo há largos anos, renunciou à militância, com as autárquicas à porta, tendo disso já informado os órgãos locais e nacionais.

Ao Jornal de Cá, António Morão salientou que esta já era uma decisão anterior, com cerca de dois anos, durante os quais tem vindo a criticar, nos órgãos próprios, “algumas questões sobre o projeto do PS para o Cartaxo”.

A presidente do PS Cartaxo disse que “ainda não tenho a confirmação da entrega do cartão ou qualquer informação oficial do partido”, apenas recebeu um telefonema de António Morão, no sábado, 1 de abril, a dar-lhe conta das suas intenções de sair do partido e apoiar a candidatura de Jorge Gaspar.

Pedro Ribeiro, cabeça de lista do PS às autárquicas de 1 de outubro, garante que o partido “não estará, nunca, ao serviço de interesses pessoais nem de ambições pessoais. Aqueles que pensam que se vão servir do partido para concretizar ambições ou projetos individuais têm de perceber que no nosso partido não têm cabimento. Se existem outros partidos que estão disponíveis para acolher pessoas que se movem nesse sentido apenas podemos desejar bom trabalho, boa sorte”.

Entretanto, em comunicado, a Coligação Juntos pela Mudança, encabeçada por Jorge Gaspar, “acolhe com muito agrado e satisfação o apoio público do professor António Morão e interpreta o mesmo como um sinal inequívoco do crescente alargamento da sua base eleitoral”.

Leia a notícia na íntegra na edição impressa do Jornal de Cá, sexta-feira nas bancas!

Pode gostar também