Cuidados a ter no verão com os nossos fiéis companheiros

Por Sara Santos, clínica da Vetdom

191

O verão é a estação do ano em que são necessários cuidados adicionais para a manutenção do bem­estar dos nossos companheiros de quatro patas.

Um dos perigos maiores é a possibilidade da ocorrência de um golpe de calor, que é um aumento extremo da temperatura corporal, que acontece por excessiva exposição a altas temperaturas. Uma das maiores causas desta situação é a permanência dos animais dentro dos automóveis por períodos de tempo que podem ser de apenas alguns minutos, no caso da temperatura exterior estar muito aumentada. Um golpe de calor é uma urgência médica já que o animal pode vir a morrer por desregulação das funções vitais.

Outro perigo relaciona-se com o aumento da quantidade de parasitas externos (pulgas e carraças) transmissores de doenças perigosas (ex: febre da carraça), para além da espoliação sanguínea que efetuam e que provoca anemias que podem ser graves.

É também nesta estação do ano que as diarreias de origem viral, como a Parvovirose, mais se manifestam, uma vez que os vírus gastrointestinais desenvolvem­-se primordialmente em temperaturas altas. Ressalvamos a importância da vacinação para prevenir estas patologias potencialmente fatais.

Existem vários cuidados a ter com os animais de estimação no verão, nomeadamente, a manutenção de água limpa e fresca sempre à disposição; verificar se estes possuem um abrigo fresco, sombrio e protegido de insetos; evitar andar com os animais de carro nas horas mais quentes do dia; desparasitar externamente os cães e gatos com pipetas, coleiras ou comprimidos.

Alertamos que na impossibilidade de proporcionar as melhores condições de viagem e férias aos vossos companheiros, existe a possibilidade de os deixarem num hotel para animais de estimação, já que hoje em dia muitos destes locais oferecem ótimas condições de alojamento e entretenimento para os nossos amigos.

Pode gostar também