Morangos – Uma bomba vitamínica

Quando são frescos devem ter uma cor uniforme e viva, com as folhas bem verdes

354

É na primavera e início do verão que aparecem os primeiros morangos vermelhos, sumarentos e plenos de sabor e perfume. Um autêntico regalo para o paladar

ESCOLHER BEM
Os morangos são uma bomba vitamínica, em especial do tipo C. Quando são frescos devem ter uma cor uniforme e viva. Antes de os comprar veja se as folhas estão bem verdes. Se tiverem manchas brancas significa que não estão suficientemente maduros.

Devem ser bem lavados debaixo de água corrente, e nunca postos de molho para não perderem o aroma e as qualidades nutritivas.

Utilizados como revigorantes da pele, entram em inúmeras máscaras faciais, e quando combinados com mel e limão são capazes de verdadeiros milagres.

HISTÓRIA DOS MORANGOS
Na idade média o morango era apenas um fruto que nascia espontaneamente. Numa tentativa de aprisionar este perfume inimitável, a nobreza tentou plantá-los nos seus jardins, mas com pouco êxito. Foi com a descoberta do continente Americano, mais precisamente os Andes, que horticultores franceses, seguidos dos ingleses, alemães e italianos, começaram a cultivar a planta, depois de ali terem encontrado uma planta parecida com o apreciado morango silvestre, mas com frutos maiores e menos saborosos. A combinação das duas plantas foi um sucesso, melhorou a qualidade e aumentou o seu tamanho, sem retirar as características naturais do morango.

Estes pioneiros da pesquisa para o cultivo do morango experimentaram vários cruzamentos entre a planta andina, que contribuiu para a sua robustez, e o aromático morango europeu, que transmitiu o seu perfume, e obtiveram um fruto de fácil cultivo.

No início do século passado, o morango ganhou prestígio entre agricultores e consumidores e começou a frequentar os mais requintados cardápios e livros de receitas.

Pode gostar também