Área de Serviço estreia “Forja” no Centro Cultural

A estreia está marcada para o dia 15 de junho, pelas 21h30, e a peça volta a subir à cena nos dia 16, 22 e 23, também às 21h30, e 17 de junho, às 16h

A Área de Serviço vai regressar aos grandes textos do teatro português com “Forja”, de Alves Redol.

Depois de “Crime de Aldeia Velha”, de Bernardo Santareno, e “Mar”, de Miguel Torga, a Área de Serviço continua a levar à cena grandes textos de grandes autores nacionais, desta vez “Forja”, de Alves Redol, autor, entre outros, dos romances “Gaibéus”, “Marés”, “Avieiros” , “Porto Manso”, “Os Homens e as Sombras”, “Cavalo Espantado” ou “Barranco de Cegos”.

“Forja”, de 1948, foi proibido pela censura e só foi levado à cena em Portugal cerca de 21 anos mais tarde, no Teatro Laura Alves, com encenação de Jorge Listopad.

Este espectáculo, encenado por Frederico Corado, é a história dos Malafaia, uma família que vive para a forja e pela palavra do pai, um retrato da vida de um certo tempo onde cada um esconde as suas verdades e as suas ambições, nunca se dando a conhecer por completo àqueles que lhe são mais importantes.

O elenco será composto pelo elenco residente da Área de Serviço e por algumas caras novas que fazem parte do projeto de teatro comunitário.

Com Mário Júlio, Sara Xavier, Carlos Ramos, Carolina Seia, Gabriel Silva, Richard Tomás, Tomás Formiga, Mónica Coelho, Rosário Narciso, João Paulo, Amélia Figueiredo, Rui Manel, Rita Camacho, Beatriz Dinis, Inês Barreiro, Pedro Neves, Lara Canteiro, João Cruz, Jeanine Steuve e o Grupo Coral Os Alentejanos no Cartaxo.

Mais artigos
1 De 122

A estreia está marcada para o dia 15 de junho, pelas 21h30, e a peça volta a subir à cena nos dia 16, 22 e 23, também às 21h30, e 17 de junho, às 16h.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.