Boa utilização das trotinetes alarga circuitos para fora da cidade

Dois meses depois de começarem a circular no Cartaxo, as trotinetes de uso partilhado apresentam uma boa taxa de utilização, revela o presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, após reunião com responsáveis da Bird, promotora das trotinetes, que em breve poderão ir até outras paragens.

Segundo João Heitor, a reunião serviu para “aferir a taxa de utilização” das trotinetes e para ver como está a decorrer a experiência. E João Heitor diz que “há boas notícias”, lembrando que, inicialmente, foram colocadas 22 trotinetes (na cidade e em Vila Chã de Ourique) e que “já vamos em cerca de 60, porque as taxas de utilização diária são positivas”.

O autarca informa ainda que “não tem havido vandalismo. Os nossos munícipes têm feito uma boa utilização destes equipamentos” e, como tal, acrescenta o autarca, “vamos promover o alargamento das zonas de utilização à até à estação de Santana, até Vale da Pinta, até Pontével e, eventualmente, até ao Vale de Santarém, para depois Santarém ligar até ao Vale de Santarém e passamos a ter uma rede mais abrangente”.

João Heitor deu esta informação em reunião do executivo camarário, onde perante a reclamação de um munícipe sobre as trotinetes deixadas no meio dos passeios e em frente a portões apelou ao uso responsável destes equipamentos e ao cuidado para evitar deixá-los em locais que prejudiquem ou impeçam a passagem.

Recordamos que as trotinetes começaram a circular a meados de abril nas ruas da cidade e até Vila Chã de Ourique, onde a empresa também colocou alguns veículos, no âmbito de um projeto-piloto de mobilidade suave e micromobilidade da CIMLT.

Pode gostar também