Bolo de batata e chocolate

Por Isabel Zibaia Rafael autora do blogue Cinco Quartos de Laranja

A história da introdução da batata na europa
A batata veio para a Europa logo a seguir à chegada dos europeus à América do Sul. Mas na altura, os camponeses olhavam-na com apreensão e receio.

Foi considerada maléfica, cheia de energias negativas, associada à bruxaria e venenosa, por isso a sua expansão, no início, foi lenta.

Conta-se que em França, Antoine-Augustin Parmentier, a quem se deve a invenção da batata frita, foi um dos grandes defensores deste tubérculo, dizendo que não era venenoso e que os seus concidadãos não deveriam ter receios em consumi-lo.

Pamentier influenciou o rei Luís XVI e foi este, com um pequeno truque, quem conseguiu convencer os camponeses a cultivar a batata. O rei mandou semear um campo de batatas perto de Paris e colocou uma guarda real a vigiar o campo. Os camponeses curiosos começaram a questionar o que seria que ali estava cultivado, por certo algo valioso para estar a ser protegido com tais medidas de segurança.

Finalmente, quando as batatas estavam prontas a sair da terra, o rei mandou retirar a guarda durante a noite e aguardou. Passado pouco tempo, as batatas foram sendo roubadas e assim começou a expansão da ‘pomme de terre’ (maçã do chão).

Hoje em dia quando encontramos numa ementa a inclusão de pratos à Parmentier (ou à la Parmentier) significa que levam batatas na sua confeção.

Mais artigos
1 De 34

Ainda bem que Parmentier conseguiu influenciar o rei e que o consumo da batata se expandiu por toda a Europa.

Atualmente, encontramos imensas variedades que podemos usar na nossa cozinha das formas mais variadas e criativas. Uma dessas formas é usar batata em bolo. Parece estranho, mas fica delicioso.
Ingredientes
200 g de puré de batata, 300 g de açúcar amarelo, 200 g de manteiga sem sal à temperatura ambiente, 5 ovos, 70 g de chocolate 70% de cacau, 300 g de farinha com fermento, 1 dl de leite, 3 g de canela em pó, 1 colher de chá de extrato de baunilha, 1 pitada de sal, 100 g de avelãs, manteiga ou óleo em spray para untar forma, açúcar em pó para polvilhar

Confeção
1. Para preparar o puré, cozer a batata cortada em cubos. Depois de cozida escorrer e reduzir a puré com um esmagador de batata. Deixar arrefecer.

2. Com uma faca ou com um robot de cozinha picar o chocolate.

3. Bater o açúcar com a manteiga.

4. Juntar as gemas uma a uma e bater entre cada adição.

5. Juntar o puré de batata frio, o chocolate picado, a farinha, o leite, o extrato de baunilha, a canela e o sal. Mexer muito bem.

6. Bater as claras em castelo com uma pitada de sal.

7. Envolver as claras batidas na massa.

8. Colocar a massa numa forma redonda com fundo amovível, forrada com papel vegetal untado com manteiga ou com óleo em spray.

9. Dispor por cima da massa as avelãs cortadas ao meio.

10. Levar ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 60 minutos. Antes de retirar o bolo do forno, verificar a cozedura com um palito.

11. Servir o bolo polvilhado com açúcar em pó.

 

Mais receitas no blogue Cinco Quartos de Laranja


Receita publicada na edição impressa, nº50, da Revista DADA

Pode gostar também

Comentários estão fechados.