Cartaxo recebeu o fantástico mundo LEGO

Uma organização do Município do Cartaxo, Centro de Estudos e Escola de Línguas Grau-de-Prova e Portugal Didático

dav

Das peças coloridas para a infância às elaboradas construções monocromáticas, passando pela robótica e por dezenas de super-heróis saídos dos filmes ou da banda-desenhada, foram centenas as construções que estiveram no Cartaxo, para diversão e espanto de visitantes de todas as idades, durante a Semana de Aventura, organizada pelo Município do Cartaxo, Centro de Estudos e Escola de Línguas Grau de Prova e Portugal Didático, e que decorreu no Pavilhão Municipal de Exposições do Cartaxo, de 19 a 24 de setembro.

A Semana de Aventura foi dedicada a pessoas de todas as idades que reunissem algumas características especiais – gostarem de andar horas a fio às voltas com as peças coloridas e os novos desafios de robótica da Lego, terem uma enorme vontade de brincar e muita disposição para se divertir até cair de cansaço, e tudo enquanto desenvolvem “capacidades como a concentração ou a organização espacial”, conforme afirmou Ana Gaudêncio, do Grau-de-Prova.

Ana Gaudêncio, Centro de Estudos e Escola de Línguas Grau de Prova

Os primeiros dias foram inteiramente dedicados a alunos do pré-escolar ao ensino secundário. Em parceria com a área de Educação e Juventude do Município do Cartaxo, o Grau de Prova e a Portugal Didático, receberam gratuitamente mais de 300 participantes nos workshops e sessões lúdico-pedagógicas que orientaram. Para os mais novos, foram as peças coloridas as escolhidas, enquanto os jovens a partir do 2.º ciclo, ficaram a conhecer as potencialidades da série Lego Education.

No fim de semana foi a vez de os mais pequenos levarem a família e os amigos a experimentar o fantástico mundo Lego. Para além das construções que puderam fazer livremente, vários convidados especiais mostraram as suas construções: Luís Mata trouxe um farol único no mundo e um Great Ball Contraption (GBC), que fez as delícias de jovens e adultos. Isto, claro está, para além de cidades inteiras, comboios imparáveis, estações intergaláticas, aeroportos ou cavaleiros do espaço, super heróis da Marvel ou DC Comics, ao lado de Angry Birds e Elves, os quatro elementos de Ninjago, terra, ar, fogo e água, ou os Nexo Knights. A Millennium Falcon, nave espacial que habita a imaginação de todos os fãs de Star Wars, esteve em destaque na exposição – com todos os personagens icónicos, como Dath Vader ou o guerreiro e co-piloto da Falcon, Chewbacca, a fazerem as honras da coleção.

Mais artigos
1 De 593

Esta Semana de Aventura é o resultado do trabalho de professores e alunos dos workshops que a academia Grau-de-Prova promove habitualmente aos sábados de manhã ou durante as férias escolares. Ana Gaudêncio referiu que este ano a academia vai alargar “os workshops Lego aos dias de semana, para que mais participantes possam experimentar não só a construção com os seus personagens e coleções favoritos, mas também conhecer as possibilidades da Lego Education na construção e programação de robôs”.

Catarina Marques João, de Vale da Pedra, vencedora para Portugal do Lego Friends Designer

 

Catarina Marques João vence Lego Friends Designer

Catarina Marques João, de Vale da Pedra, vencedora para Portugal do Lego Friends Designer, trouxe a suas peças favoritas para mostrar aos visitantes. A aluna da Grau-de-Prova participou no desafio que a Lego lançou a nível mundial aos seus fãs – construir algo com peças já existentes, ou usar a aplicação no site da marca – Lego Digital Designer – para propor algo completamente novo, e foi esta a opção da Catarina.

A jovem de 11 anos construiu uma escola de mergulho que é também um centro para salvar e acolher animais marinhos em dificuldades, cumprindo todas as exigências do concurso – como desenhar algo livre de violência e promotor de novas amizades. Da decoração da fachada, a pormenores como os puxadores das portas que são pequenas conchas do mar, passando pelo cuidado com o barco que desenhou para recolher os animais, até à preocupação com o espaço destinado aos mergulhadores, às bóias e aos equipamentos, tudo no desenho que a Catarina apresentou a concurso denota o que diz de olhos a brilhar, “este é o meu trabalho de sonho”.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.