Cartaxo une-se em busca de Vitalina Galvão

Mais de 40 voluntários juntaram-se, esta quarta-feira à tarde, aos serviços de proteção civil e às forças de segurança do concelho em busca da idosa ainda desaparecida. Esta quinta-feira, as buscas prosseguem logo pela manhã, com a concentração a fazer-se em frente à Câmara Municipal, pelas 8h.

Desaparecida desde segunda-feira, Vitalina Galvão, de 86 anos, está a ser alvo de uma operação de buscas no Cartaxo, que envolve os serviços de proteção civil, as forças de segurança do concelho e todos os voluntários que se juntaram nesta ação, esta quarta-feira, 7 de agosto.

Depois do apelo mais de 40 pessoas juntaram-se às entidades acima referidas e percorreram várias zonas da cidade na tentativa de encontrar a idosa. Esta quinta-feira, as buscas iniciam-se pela manhã, com a concentração a fazer-se frente à Câmara Municipal, pelas 8h.

Vitalina Galvão, residente na cidade do Cartaxo, no edifício da sede do Partido Comunista, era frequentemente vista a passear pela cidade e desde a passada segunda-feira, 5 de agosto, que se encontra desaparecida. “Veste quase sempre de preto, tem dificuldade em andar, anda com ajuda de bengala. É uma pessoa com a saúde muito débil”, refere a família nos apelos feitos nas redes sociais, na tentativa de saber mais sobre a idosa.

Qualquer informação, por favor contacte a PSP Cartaxo (243 702 022); GNR Cartaxo (243 703 190); Serviço Municipal de Proteção Civil (243 700 288); Bombeiros Municipais do Cartaxo (243 700 800).

Notícia em atualização.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.