Natal no Cartaxo à espera de dias melhores

 

Apesar de muitos cartaxeiros optarem pelo comércio tradicional para fazer as compras de Natal, os comerciantes queixam-se que o negócio está fraco, mas esperam que anime nestes últimos dias. Se é daqueles que deixa tudo para a última, saiba que no próximo sábado, dia 24, o comércio vai estar aberto durante todo o dia.

O dia de Natal está aí mas há quem ainda esteja, nestes últimos dias, a finalizar os preparativos para a noite da consoada e para dia 25. Nas ruas e lojas do Cartaxo as luzes e enfeites natalícios procuram lembrar e manter o espírito de Natal, mas os comerciantes lamentam o baixo volume de negócio, ainda que vários cartaxeiros, inquiridos na rua, nos tenham revelado que muitas das suas compras tenham sido feitas no comércio tradicional, onde conseguiram encontrar o que pretendiam e, em muitos casos, a preços muito acessíveis.

Em vésperas de Natal, o Jornal de Cá foi para a rua aferir o espírito natalício. Há ruas iluminadas um pouco por todo o concelho, assim como presépios e outros enfeites alusivos à época, mas há pouca gente nas ruas, mesmo no último fim-de-semana (17 e 18 de dezembro), em que o comércio abriu durante todo o dia, ao sábado e domingo, dias em que o sol brilhou, convidando a sair de casa.

Jacinta Leandro, da loja O Sonho, nota que estes dias têm estado mais fracos que no último ano, mas “tem-se vendido alguma coisa”, tendo em conta a conjuntura económica. Já António Marques, da Papelaria Garrett, mostrou-se desiludido, referindo que o negócio nestes últimos dias “tem sido idêntico ao de outro mês qualquer”. Depois de no ano passado ter sentido uma melhoria, relativamente ao ano anterior, diz que “este ano está mais ou menos como no ano passado”. Amélia Pina da Ourivesaria Conceição, não nota grande diferença no volume de vendas, relativamente aos últimos três anos, apesar de notar “mais movimento agora que nos outros meses do ano”. Também Romana Cruz, da loja Marias e Migueis, lamenta que este ano “está pior que no ano passado”, mas tem boas expetativas para estes últimos dias, nomeadamente para a véspera de Natal, dia em que terá “a loja aberta até haver clientes”.

Segundo a maioria dos comerciantes, as expetativas para as vésperas de Natal são boas. Os comerciantes esperam que no sábado, em que as lojas vão estar abertas durante todo o dia e há maior disponibilidade por parte das pessoas, o volume de negócio compense as últimas semanas, cujas vendas não refletiram a época de Natal.

 

Pode gostar também
Comentários
Loading...