Fonte de Cima em Vale da Pinta já está a ser arranjada

A Fonte de cima em Vale da Pinta voltou a ser assunto em Assembleia da União de freguesias Cartaxo e Vale da Pinta, mas desta vez para se dar conta de que esta já está a ser intervencionada.

Depois de várias vezes ser alvo de crítica a falta de intervenção na Fonte de cima, que havia ruído na sequência do mau tempo que se fez sentir no início de 2017, Pedro Mesquita Lopes voltou à questão nesta última assembleia, realizada esta quinta-feira, 12 de dezembro, no Cartaxo, referindo que percebeu que se estava a intervir naquele espaço, numa das entradas da aldeia (sentido Ereira – Vale da Pinta), e querendo saber o que se estava a fazer.

“O que tem sido dito [pelo executivo] é que esse património é da Câmara Municipal e não da Junta de Freguesia”, afirmou o eleito pela coligação Juntos pela Mudança (PSD/NC), que ainda este mês de dezembro questionou, em Assembleia Municipal, o presidente da Câmara Municipal, Pedro Ribeiro, sobre quem estava a arranjar aquele espaço. Segundo Pedro Mesquita Lopes, também com assento naquele órgão autárquico, a resposta de Pedro Ribeiro foi que “a Junta é que estava a intervir”, concluindo, assim, que o município “passou, rapidamente, a bola para a Junta de Freguesia”.

Délio Pereira respondeu que “não só removemos os escombros, como também limpámos e abrimos o cabouco, na sua totalidade, com a ajuda da Câmara Municipal que nos cedeu a máquina retroescavadora e o funcionário”. Cingindo-se sempre à obra e sem mais considerações, o presidente da União de Freguesias Cartaxo e Vale da Pinta explicou que, entretanto, “a nível das fundações é começar a montagem do ferro e encher o cabouco. Depois temos de fazer a cofragem para fazer uma malha em ferro e encher a cofragem quando esta estiver feita na sua totalidade. Se o tempo o permitir, amanhã [13 de dezembro] e sábado [14], damos um bom avanço para, depois, num dia da semana que vem, se nos for permitido, começar a encher a muralha definitivamente”.

Recordamos que este tem sido um tema recorrente nas assembleias da União de Freguesias do Cartaxo e Vale da Pinta, com a bancada dos Juntos pela Mudança, nomeadamente, pela eleita Mari Vieira, que mais do que uma vez questionou o executivo sobre quando uma intervenção daquele património da aldeia que havia sofrido uma derrocada com as intempéries no inicio do ano de 2017. Délio Pereira, que sempre alegou que aquele é património da Câmara Municipal, nunca chegou a escusar-se a intervir naquele local por este não ser da sua competência, contudo sempre alegou falta de verba para o fazer.

Já na anterior assembleia da União de Freguesias, realizada em setembro último, o presidente da Junta informou que, no decorrer da demolição do prédio que dará espaço ao futuro parque de estacionamento no centro de Vale da Pinta, se iriam aproveitar os meios que a Câmara Municipal disponibilizou para o efeito e retirar os escombros da Fonte de Cima e, posteriormente, arranjar a mesma.

Mais artigos
1 De 21
Pode gostar também
Comentários
Loading...