Fruta e legumes são bons aliados da carteira

O supermercado é uma das grandes despesas – senão a maior – das famílias portuguesas. É lá que fica, mensalmente, grande parte do orçamento familiar. E quantas mais pessoas constituírem o agregado, mais avultadas são as despesas. Por isso, todos nós pensamos ‘onde é que vamos cortar?’.

A alimentação quer-se equilibrada e, se a isso conseguirmos aliar alguma poupança, tanto melhor.

Por isso, fique a saber que consumir fruta e legumes da época dá saúde e ajuda mesmo a poupar na carteira, já que são alimentos que existem em abundância.

Deixamos-lhe, mês a mês, as frutas e legumes mais fáceis de encontrar. E também os mais baratos.

JANEIRO

Neste mês poderá encontrar com facilidade kiwi, laranja, limão, maçã, pera e tangerina. Nos frutos secos, amêndoa, noz e pinhão.

Mais artigos
1 De 5

Quanto aos legumes, predominam a abóbora, acelga, agrião, aipo, alface, alho francês, beterraba, brócolos, cebola, cenoura, chicória, couves, endívia, espinafre, funcho, grelos, nabiças, nabo, rabanete, rábano, repolho e rúcula.

FEVEREIRO

Kiwi, laranja, limão, maçã, pera, tangerina, amêndoa e pinhão continuam a ser boas escolhas, tal como a abóbora, acelga, agrião, aipo, alface, beterraba, brócolos, cebola, couves, endívia, espargos, espinafre, nabiças, nabo, rabanete, rábano e rúcula.

MARÇO

Em março encontramos, mais uma vez, kiwi, laranja, limão, maçã, pera, tangerina e pinhão.

Nos legumes, abóbora, acelga, agrião, aipo, alface, beterraba, brócolos, cebola, couves, endívia, ervilhas, espargos, espinafre, funcho, grelos, nabiças, nabo, rabanete, rábano e rúcula.

ABRIL

Surgem os primeiros morangos e as nêsperas, que se juntam à laranja, limão, maçã e tangerina.

Abóbora, acelga, agrião, aipo, alcachofra, alface, batata nova, beldroegas, beterraba, brócolos, cebola, cenoura, chicória, couves, ervilhas, espargo, espinafre, fava, funcho, grelos, nabiças, nabo, rabanete, rábano, repolho e rúcula predominam neste mês.

MAIO

À laranja, ao limão, ao morango, à nêspera e à tangerina juntam-se o alperce, a cereja e o mirtilo.

Nos legumes, destaque para a abóbora, acelga, aipo, alcachofra, alface, alho francês, batata nova, beldroegas, beterraba, brócolos, cebola, cenoura, chicória, courgette, couves, ervilhas, espinafre, fava, funcho, grelos, nabiças, nabo, pepino, rabanete, rúcula.

JUNHO

Em junho predominam as cores dos frutos. Alperce, ameixa, amora, cereja, figo, framboesa, melão, meloa, mirtilo, morango, pêra, pêssego ou uva são algumas das delícias para desfrutar.

Acelga, aipo, alcachofra, alface, alho francês, batata nova, beldroegas, beringela, beterraba, brócolos, cebola, cenoura, chicória, chuchu, courgette, feijão verde, milho doce, pepino, pimento, rabanete, rúcula e tomate encontram-se com facilidade e a bons preços.

JULHO

Em pleno verão, aproveite para abusar dos alperces, ameixas, amoras, cerejas, figos, framboesas, limões, maçãs, melancias, meloas, mirtilos, morangos, peras, pêssegos e uvas.

Já nos legumes, a escolha é um pouco mais limitada que em meses anteriores. Ainda assim, é tempo de alho francês, batata nova, beldroegas, beringela, cebola, cenoura, chuchu, courgette, feijão verde, milho doce, pepino, pimento e tomate.

AGOSTO

Não há frutos secos da época, mas há ameixa, amora, figo, framboesa, limão, maçã, melancia, melão, meloa, morango, pera, pêssego e uva em abundância.

Os legumes mais acessíveis são alho francês, batata nova, beldroegas, beringela, cebola, cenoura, chuchu, courgette, feijão verde, milho doce, pepino, pimento, tomate.

SETEMBRO

Regressam os frutos secos, com as amêndoas e as nozes. Além destes, continuam a existir com fartura as ameixas, figos, framboesas, limões, maçãs, melancias, melões, meloas, morangos, peras, pêssegos e uvas, a que se juntam, agora, as romãs.

Nos legumes, regressa a abóbora, que se junta ao alho francês, batata nova, beldroegas, beringela, cebola, cenoura, chuchu, courgette, feijão verde, milho doce, pepino, pimento, tomate.

OUTUBRO: 

Outubro é o mês dos diospiros, a novidade da época. A eles juntam-se o limão, a maçã, a pera, a romã, a ameixa, o pêssego, a uva, e novamente a laranja, a tangerina e os frutos secos.

Os legumes típicos são a abóbora, agrião, aipo, alface, alho francês, batata, beldroegas, beringela, beterraba, brócolos, cebola, cenoura, courgette, couves, espinafre, funcho, grelos, nabiças, nabo, pepino, pimento, rabanete, repolho, rúcula e tomate.

NOVEMBRO

Surgem as avelãs e as castanhas, que se juntam às amêndoas e às nozes. Também o diospiro, a laranja, o limão, a maçã, a pera, a romã, a tangerina e o kiwi são fáceis de encontrar a preços mais convidativos.

Os legumes são mais que muitos. Abóbora, acelga, agrião, alho francês, batata nova, beldroegas, beterraba, brócolos, cebola, cenoura, couves, endívia, espinafre, funcho, grelos, nabiças, nabo, pepino, rabanete, rábano, repolho ou rúcula são próprios destes dias frios.

DEZEMBRO

É tempo de pinhão, bem como de amêndoa, avelã, castanha e noz; de diospiro, romã, kiwi, laranja, limão, maçã, pera e tangerina.

O ano termina com muitos legumes à disposição, tais como abóbora, acelga, agrião, aipo, alface, alho francês, batata nova, beldroegas, beterraba, brócolos, cebola, cenoura, chicória, couves, endívia, espinafre, funcho, grelos, nabiças, nabo, rabanete, rábano, repolho e rúcula.

Aqui ficam as frutas e legumes próprios de cada mês do ano. Lembre-se que uma alimentação saudável, equilibrada e mais em conta faz maravilhas pela sua saúde e pela da sua família!

Pode gostar também

Comentários estão fechados.