Já há falta de combustível no Cartaxo

A greve de camionistas de materiais perigosos e a anunciada falta de combustível está a levar centenas de pessoas aos postos de abastecimento um pouco por todo o País.

A paralisação já causou transtornos nos aeroportos nacionais, primeiro em Faro e depois em Lisboa, apesar da requisição civil decretada pelo governo, e já há mesmo postos de abastecimento encerrados na capital.

No Cartaxo, a ‘corrida’ aos combustíveis atingiu o ‘pico’ à hora de almoço, com muitos automobilistas a tentarem encher os depósitos, o que acabou por causar alguns constrangimentos no trânsito.

O Jornal de Cá tentou abastecer num posto de abastecimento do centro da cidade, na Rua Serpa Pinto, mas já não havia gasóleo. Segundo o Jornal de Cá apurou neste posto, não há perspetivas de quando a situação poderá ficar normalizada.

Por esta hora, a situação está mais calma, embora se note uma maior afluência aos postos de abastecimento do que em outros dias.

Lá mais para o final da tarde, a situação deverá voltar a complicar-se, com centenas de pessoas a saírem dos empregos e a tentarem abastecer as viaturas.

Mais artigos
1 De 518

Pode gostar também

Comentários estão fechados.