“Lezíria Escola Eficiente” entrega troféus a escolas vencedoras

A cerimónia de entrega dos troféus aconteceu no Cartaxo

A CIMLT realizou no passado dia 26 de junho a cerimónia de entrega dos troféus às escolas vencedoras do projeto “Lezíria Escola Eficiente”, no auditório da Quinta das Pratas, no Cartaxo.

As escolas vencedoras do projeto, com a melhor classificação combinando “Desafios Escolares” e “Redução de Consumo de Energia Elétrica”, foram: em primeiro lugar, o Centro Escolar do Sacapeito, Santarém; em segundo, a EB/JI São Domingos, Santarém; e, em terceiro lugar, o Centro Escolar de Alcoentre, Azambuja.

Na cerimónia de entrega dos troféus foram ainda dadas a conhecer as maquetes que resultaram dos “Desafios Escolares”, lançados no âmbito do projeto. Os alunos desenvolveram vários trabalhos, tais como “Quiz de energia”, “A viagem do tomate – da semente à polpa”, “Jogo da poupança” e “Pegada energética”, sendo apoiados pelas componentes de software didático BeWatt, por um sistema de monitorização de consumo de energia elétrica instalado nas escolas e por uma orientadora responsável pela dinamização do projeto.

De lembrar que as equipas vencedoras dos “Desafios” foram também premiadas com um dia de atividades ao ar livre no My Camp, Cartaxo, no passado dia 19 de junho. Nesta vertente do projeto, os vencedores foram: nos 1º e 2º anos, em primeiro ficou o Núcleo Escolar da Lamarosa (Coruche), Turma 1º/2º ano; e em segundo, Centro Escolar de Salvaterra de Magos, Turma 2º E. Nos 3º e 4º anos, ficou em primeiro lugar o Núcleo Escolar da Lamarosa (Coruche), Turma 3º/4º Ano; e, em segundo, o Centro Escolar Professor Abel Avelino (Alpiarça), Turma 4.º A.

No projeto “Lezíria Escola Eficiente” estiveram envolvidas 23 escolas da Lezíria do Tejo, num total de 1850 alunos e 108 professores. Os resultados obtidos atestaram uma comunidade escolar (e familiar) mais informada sobre a temática da eficiência energética, uma redução de consumo de energia elétrica na ordem dos 35 mil KWh, quatro por cento face ao ano anterior, e uma redução de despesa de energia elétrica de 21 mil euros.

Mais artigos
1 De 152

A CIMLT foi a entidade promotora do projeto “Lezíria Escola Eficiente”, financiado pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) no âmbito do programa PPEC 2017-18 (Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica).

Pode gostar também

Comentários estão fechados.