Marcelino Mesquita nasceu há 161 anos

Poeta, ficcionista e dramaturgo foi no seu tempo o mais popular dos autores dramáticos em Portugal

302

Por Rogério Coito

1 de Setembro de 1856. Nesta data nascia há 161 anos no Cartaxo um menino filho de António e de Ana Inácia que veio a ser um dos mais notáveis dramaturgos portugueses, por todos conhecido por Marcelino Mesquita.

Estudou as primeiras letras com a mestra Dª. Afonso, andou no Seminário de Santarém e na Escola Académica de Lisboa e licenciou-se em Medicina pela Escola Médico-Cirúgica de Lisboa.

Poeta, ficcionista e dramaturgo foi no seu tempo o mais popular dos autores dramáticos em Portugal.

Político e deputado, fez jornalismo e foi director e proprietário do jornal “O Cronista” que se publicou no Cartaxo entre 1886-1888. Com ideias republicanas em tempos de monarquia, foi casado mas viveu outros amores de que alguns sofreu algumas dores.

Teve uma filha que só perfilhou perto de partir para a eternidade. Há quem afirme que também teve um filho, mas o seu registo até hoje ainda não apareceu.

Viveu em Lisboa, mas o seu refúgio era a casa da azenha na Quinta da Ribeira, em Pontével.


Rogério Coito escreve de acordo com a antiga ortografia

Pode gostar também