Mulheres na liderança

 

Não perca na edição de março do Jornal de Cá o destaque a quatro mulheres do Cartaxo que entraram na política com muita vontade de ajudar a construir uma sociedade melhor.

dia mulherfaceConheça o percurso e a experiência de Ana Benavente, Maria José Campos, Odete Cosme e Sónia Serra, integradas num mundo mais habitado por homens, mas que acreditam no poder feminino e consideram-no imprescindível na representação política, em democracia.

“No espaço público, as mulheres trazem outros olhares, outras preocupações, outros modos de estar”, diz Ana Benavente.

Maria José Campos completa: “em muitos casos, a sensibilidade e a resiliência feminina, aliada a valores humanistas, ajudam a fazer a diferença”.

Também Sónia Serra é da opinião de que “em termos de relacionamento humano, acho que somos muito diferentes dos homens; as mulheres tentam perceber melhor as motivações dos outros”.

Segundo Odete Cosme “Temos um feeling e uma capacidade de desempenho multifacetado, que os homens não conseguem atingir. Por isso, estamos em vantagem e só temos de empregar bem essa vantagem. A nossa capacidade natural de desempenharmos várias tarefas em simultâneo é uma mais-valia fenomenal. Mas há outras características, a capacidade organizativa, a luta constante contra as contrariedades e a parte mais emotiva, tolerante e sentimental, que lhes são endógenas, dão-lhes uma visão e estratégias diferentes dos colegas masculinos na resolução de problemas/conflitos”.


 

Pode gostar também

Comentários estão fechados.