No Cartaxo férias é sinónimo de praia

 

Para disfrutar das férias, 80 por cento dos cartaxeiros elege a praia como destino, mas só 30 por cento dos nossos inqueridos costuma sair de Portugal. A quantia gasta é, em média, 660 euros.

algarve

O verão chegou e, com ele, as tão esperadas férias. A Revista DADA saiu à rua para saber qual o destino de férias de eleição dos cartaxeiros. Falámos com pessoas, de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 19 e os 63 anos que partilharam connosco os planos para as suas férias. Para além do destino eleito, também quisemos saber com quem passam as férias e se os gastos, para este ano, serão maiores ou menores.

Numa altura em que o dinheiro não é abundante, a maior parte dos inquiridos não dispensa uns dias de descanso. A praia é, sem dúvida, a primeira opção para 80 por cento dos cartaxeiros ouvidos pela revista DADA, “praia, qualquer sítio desde que tenha água e areia e dê para descansar”, esclarece uma das pessoas que respondeu ao nosso inquérito. O Algarve foi o destino de eleição, segundo os nossos dados, apesar da Nazaré ainda continuar a marcar a tradição.

Grande parte da população do Cartaxo não gosta de sair da sua zona de conforto e faz questão de passar as férias sempre no mesmo local. “Vou para o Algarve há 30 anos. Comecei por ir para lá com os meus pais e depois com os meus amigos, é mais por já conhecer o sítio e ter lá conhecidos”, conta-nos um dos inquiridos.

Mais artigos
1 De 174

Viajar para o estrangeiro faz parte dos planos de cerca de 30 por cento dos inquiridos. O que os leva a sair de Portugal é, sobretudo, o desejo de conhecer outras culturas.

Em tempos de crise, muitos tencionam gastar menos, valores esses que rondam, em média, os 660 euros. No entanto, há quem não tenha problemas em investir nas suas férias, “provavelmente, este ano, vou gastar um bocadinho mais, costuma ser para cima de 3000 euros”, confessa-nos um cartaxeiro.

Relativamente à companhia escolhida para as férias, 50 por cento das pessoas ouvidas prefere a família enquanto que a outra metade ou concilia a família com os amigos, ou opta apenas pelos amigos para umas férias mais divertidas.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.