O Cruzeiro Ibérico do Tejo passou pelo concelho do Cartaxo

A Freguesia de Valada acolhe Cruzeiro Ibérico do Tejo.

No domingo, 12 de junho, atracou em Porto de Muge com a imagem de Nossa Senhora dos Avieiros que seguiu em procissão até à Capela da Quinta das Correias.

Depois de dois anos sem descer o rio, devido à pandemia, o II Cruzeiro Ibérico do Tejo/ VIII Cruzeiro Religioso e Cultural do Tejo partiu, no dia 4 de junho, de Rosmaninhal (Portugal) e Santiago de Alcántara (Espanha).

Ao longo de cerca de duas semanas, as embarcações descem o rio Tejo, passando por nove etapas, a Freguesia de Valada acolheu o Cruzeiro Ibérico do Tejo na sexta etapa.

Esta quinta feira, 16 de junho, Valada despediu-se da imagem de Nossa Senhora dos Avieiros que seguiu viagem, passando pela Palhota, e fazendo novas paragens em Azambuja, Póvoa de Santa Iria e Lisboa, até chegar no dia 19 a Oeiras, finalizando aí a viagem.

Pode gostar também