Poeiras vindas do norte de África chegaram ao Cartaxo

As poeiras do vindas do norte de África já se notam no céu do Cartaxo. Esta quarta-feira será o dia de maior intensidade do fenómeno.

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, “está a ocorrer o transporte de poeiras sobre o território continental devido a um fluxo de sul induzido pela depressão Célia. As poeiras em suspensão, oriundas do norte de África, atingiram a Península Ibérica prevendo-se que persistam até ao fim do dia 17, quinta-feira.

Os efeitos mais visíveis são a alteração da cor do céu visto que as poeiras estão normalmente acima da superfície, embora dependendo da sua concentração possam atingir níveis mais baixos com implicações na qualidade do ar e possíveis impactos na saúde”.

Segundo a Agência Portuguesa do Ambiente, as nuvens de poeira devem diminuir de intensidade a partir de quinta-feira.

Pode gostar também