Cartaxo | Diário digital

Pontével vence Prémio Estini em noite de aniversário do Ateneu

O júri atribuiu duas menções honrosas, para os vestidos da Ereira e Lapa e de Vale da Pedra, e o Prémio Estini foi ganho por Pontével

931

O Ateneu Artístico Cartaxense (AAC) promoveu mais uma edição do Prémio Estini, que decorreu durante o Jantar de Gala do 137º aniversário da coletividade, no passado sábado, 2 de dezembro.

Na ocasião, Maria João Oliveira, presidente da direção da coletividade, realçou que “estas festas só, de facto, fazem sentido com a vossa presença”, agradecendo às Juntas de Freguesia do concelho, porque “só com a sua colaboração foi possível realizar este evento com os poucos recursos que neste momento existem”.

O espetáculo começou com o desfile dos cinco vencedores em igual número de edições realizadas pelo AAC: dois vestidos de 2009, um de 2010, um de 2011 e um de 2015, e contou, igualmente, com atuações das classes de ballet e de hip hop do Ateneu.

O Prémio Estini para o melhor vestido de chita do concelho do Cartaxo tem por objetivo recordar memórias não muito distantes e que são uma peça do património cultural do concelho, mas também enaltecer a arte da costura.

O júri foi constituído por elementos representantes das seis freguesias e por um representante do Ateneu Artístico Cartaxense, que tiveram a difícil tarefa de escolher o melhor vestido de chita do concelho.

Beatriz Caria foi quem usou o vestido de Pontével, concebido e elaborado por Sandra Anastácio e Zézita Patrício; Francisca Amorim foi a representante de Vila Chã de Ourique, com um vestido confecionado por Toné e Ermelinda; Ana Vidais envergou o vestido da Ereira e Lapa, confecionado por Paula Libâno; Margarida Semedo, com um vestido de Ângela Semedo, representou Vale da Pedra; Joana Catarino representou Cartaxo e Vale da Pinta, num vestido confecionado por Maria dos Anjos; e Beatriz Abade, num vestido de Inácia Fabiano, representou Valada.

Leia Também  Filipa Maltieiro lança primeiro disco no Cartaxo

Depois de vistos todos os vestidos, o júri decidiu atribuir três distinções: duas menções honrosas, que foram direitinhas para os vestidos da Ereira e Lapa e de Vale da Pedra, e o Prémio Estini, que foi ganho por Pontével.

A noite foi, também, aproveitada para atribuir aos associados com 25 e 50 anos de sócio diplomas. Com 25 anos, o Ateneu distinguiu Alvito Vieira Silva, Luís Filipe Rodrigues, Maria de Lurdes Alexandre Mendes, João Carlos Rodrigues Morgado, Nuno Miguel Bessa Ferreira e Luís Miguel França Pimenta e Silva. Os associados que este ano fazem 50 anos de sócio são Manuel Henrique Lopes Jarego e José Joaquim Silva Ferreira.

Pode gostar também
Comentários
Loading...