PSD Cartaxo apresentou propostas para Orçamento 2019

João Miguel Heitor e Dília Canais, respetivamente, presidente e vice-presidente da Comissão Política Concelhia do PSD, apresentaram "um conjunto de propostas que refletem as opções políticas que a atual Comissão Política julga mais acertadas para a boa governação do Município"

O PSD Cartaxo já reuniu com o executivo da Câmara do Cartaxo para apresentar as suas propostas para inclusão nas Grandes Opções do Plano e Orçamento 2019, ao abrigo do estatuto da Oposição.

João Miguel Heitor e Dília Canais, respetivamente, presidente e vice-presidente da Comissão Política Concelhia do PSD, apresentaram “um conjunto de propostas que refletem as opções políticas que a atual Comissão Política julga mais acertadas para a boa governação do Município e cujo conteúdo se pretende ver cabimentado e implementado”, diz o PSD em comunicado às redações.

Assim, o PSD quer ver espelhadas no Orçamento, no âmbito da Economia, propostas como a implementação de um Programa de Promoção e Apoio ao Desenvolvimento Empresarial, bem como um conjunto de medidas de fixação e de atração de empresas; a Feira de Emprego e das Profissões; a implementação do Gabinete de Apoio ao Empreendedorismo; ou a participação em eventos empresariais nacionais e internacionais para promoção do Município; entre outras propostas.

Para a Juventude e Desporto, o PSD preconiza medidas como a criação do Plano Municipal de Juventude; a integração do Município na Rede Amigos do Desporto; o projeto Jovem Autarca (já aprovado em Assembleia Municipal); uma conferência universitária (já aprovada em Assembleia Municipal); e a Semana da Juventude (já aprovada em Assembleia Municipal).

Na Cidadania, destaque para a criação de um Processo Simplex que vise desburocratizar a relação do município com empresas e particulares, nomeadamente com recursos às plataformas digitais; candidatura aos programas sociais comunitários do Fundo Social Europeu; a implementação do Gabinete de Apoio ao Associativismo; ou a criação do Pacote Cartaxo Cultural; entre outras medidas.

Na Mobilidade, Infraestruturas e Planeamento Urbano, o destaque vai para a proposta de realização de um estudo alargado sobre a mobilidade e tráfego rodoviário na cidade do Cartaxo; o alargamento e candidaturas ao IFFRU para as freguesias; e a conservação e reformulação da rede viária do concelho.

Mais artigos
1 De 533

Finalmente, para a Gestão Corrente, o PSD quer a execução urgente de verbas para a remoção de amianto das coberturas dos mercados de Pontével e Vila Chã de Ourique; a recuperação e dinamização do Mercado Municipal do Cartaxo; a concessão a privados de espaços públicos, garantindo o seu aproveitamento e devida manutenção; o desenvolvimento de páginas de divulgação do Município e a sua agenda em redes sociais; a criação de um plano de formação e potenciação dos recursos humanos da Câmara Municipal; a implementação do Campo Seguro (já aprovado em Assembleia Municipal); e a descentralização de competências e aumento de verbas para as Juntas de Freguesia.

No comunicado, o PSD enaltece “o acolhimento pelo atual presidente de Câmara de um conjunto de propostas do PSD e do Programa Eleitoral da Coligação Juntos Pela Mudança. Consideramos, contudo, por demais importante que estas, para além de anunciadas, não sirvam apenas para esvaziar o espaço político da oposição, devendo para tal ser devidamente cabimentadas e implementadas”.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.