PSP e Bombeiros resgatam cria de Mocho Galego

A PSP, através da Brigada de Proteção Ambiental da Divisão Policial de Santarém, em conjunto com os Bombeiros Municipais do Cartaxo, resgataram uma cria da espécime Athene Noctua, vulgarmente conhecida por Mocho Galego, na cidade do Cartaxo.

Pouco maior que um melro, o mocho-galego tem uma silhueta arredondada. A plumagem é castanha, com malhas brancas, os olhos são amarelos, com aproximadamente 23 cm de comprimento e com uma envergadura que varia entre os 54 e 58 cm. As asas são largas e arredondadas, salpicadas de branco na parte superior. Durante a época de reprodução os machos marcam o território através do canto, que se pode ouvir principalmente ao entardecer e durante a noite. O mocho-galego é uma ave relativamente comum e pode ser observado de norte a sul do país.

Por ser uma espécie protegida, foi transportada para o Parque Nacional da Serra de Aire e Candeeiros, para o Centro de Recuperação de Aves Selvagens de Montejunto.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.