Rastreios gratuitos à saúde respiratória

 

Entre hoje (23) e 31 de maio, a RESPIRA promove rastreios gratuitos à saúde respiratória. Em Santarém, esta iniciativa decorre em duas Farmácias Holon (Farmácia Central, no Cartaxo) e tem como objetivo promover a detecção precoce de uma doença que afeta 800 mil portugueses.

antitabacoA Associação RESPIRA, em parceria com as Farmácias Holon, sensibilizam para os malefícios do tabaco, no âmbito do Dia Mundial Sem Tabaco. A campanha “Depois de um cigarro nada fica igual. Previna a DPOC. Não fume!”, inclui a realização de espirometrias à população.

“A DPOC é uma doença que se manifesta pela falta de ar e é causada pela destruição irreversível do tecido pulmonar. O tabaco é um dos principais fatores de risco, sendo responsável por cerca de 90 por cento dos casos em Portugal. O diagnóstico precoce, através da realização de uma simples espirometria, pode prevenir estádios mais avançados da doença e garantir uma melhor qualidade de vida”, explica José Albino, Presidente da RESPIRA.

“O hábito tabágico é considerado a primeira causa evitável de doença e morte prematura. No entanto, estudos revelam que em Portugal já morreram cerca de 11.800 pessoas vítimas do fumo do tabaco, desde 2010. É da nossa responsabilidade contribuir para a  redução destas estatísticas”, finaliza Ana Luísa Pinto, Farmacêutica do Departamento de Projetos & Serviços.

As Farmácias Holon defendem a prevenção de uma doença que se anuncia como a 3ª causa de morte em 2030 e uma maior articulação entre os cuidados de saúde.


 

Pode gostar também

Comentários estão fechados.