Respiração oral e desenvolvimento

Opinião de Teresa Rolho, Terapeuta da Fala

Durante a infância podem surgir problemas de saúde aos quais é essencial estar atento para proporcionar o bom desenvolvimento da criança.

A respiração normal é nasal. É importante tomar precauções e evitar que a criança desenvolva um padrão de respiração oral (respirar pela boca) – se observarmos características como boca aberta, língua na arcada inferior ou entre os dentes, bochechas com aspeto “caído”, olheiras, flacidez na musculatura da face, lábios secos, má oclusão dentária (alteração no encaixe das arcadas dentárias), o palato (céu da boca) alto. Também podem aparecer cáries devido à secura na boca, pela passagem do ar.

Normalmente estas crianças têm a mastigação alterada, rápida e desordenada, isto acontece porque não conseguem respirar pelo nariz tendo que manter a boca aberta quando mastigam para poder respirar. Deste modo preferem alimentos macios e moles, e têm tendência a beber muitos líquidos enquanto comem, devido à dificuldade em mastigar.

As consequências da respiração oral são: rendimento físico e escolar diminuído, dormir mal porque há menos oxigenação, “ronco” noturno e com baba na almofada, o crescimento também pode ser diminuído devido à má alimentação, alterações na postura corporal com compensações para facilitar a respiração, dificuldades na fala devido às alterações nos dentes e musculatura da face, otites acompanhadas de hipertrofia dos adenoides, podendo levar a uma diminuição temporária da audição.

É também essencial proporcionar à criança o desenvolvimento da mastigação, processo que é essencial para evitar a respiração oral e prevenir as consequências que daí advém: deve incluir na alimentação da criança alimentos consistentes e fibrosos, que auxiliam e fortalecem os músculos da face ex: pão “caseiro”, fruta aos pedaços, verduras e legumes, carne em pedaços. A um ano de idade a criança já deve conseguir comer alimentos inteiros e os alimentos passados devem ser eliminados da alimentação.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.