Saudades de ti

Por Raquel Rodrigues

Tenho insónias ou saudades? Não vale a pena fingir e mesmo disfarçar que a minha falta de sono só tem um nome saudades.

É sempre na calada da noite que, sorrateiramente, vens ter comigo. Procuras abrigo na minha cama e eu tento evitar-te. Quero muito desapegar-te de mim! Sinto um vazio pela tua ausência mas acabo sempre por te acolher com o meu manto.

São saudades, daquelas saudades que sacodem as minhas memórias e que não me deixam adormecer sem lembrar dos bons momentos que passamos juntas.

É uma da manhã e só penso em ti. São dores dolorosas que meu coração tem. Remexo a gaveta à procura de um calmante mas já não há. Pulo da cama, desço as escadas e corro para a sala, procuro nas prateleiras do móvel os comprimidos, mas não encontro. Onde os deixei? Tenho saudades de ti amiga. Saudades da amiga que já é mãe, da amiga destemida, sonhadora e corajosa.

As horas passam e a saudade aperta, é uma dor tão forte que não cabe no peito e transborda pelos olhos. Estou em prantos e decido mergulhar num chá para afogar as saudades.

Mais artigos
1 De 285

Saudades das nossas conversas, dos sonhos, segredos, dos sorrisos marotos, dos olhares matreiros, enfim de toda a nossa cumplicidade.

Eu sei que o desapego é, necessáriamente uma atitude de corte, desde o nascimento até à morte ele acontece nas nossas vidas,mas estaríamos nós preparados para este desapego forçado com o nome saudade?!

Devido a esta pandemia do novo coronavírus, dou comigo a escavar as minhas emoções e a pensar que a saudade vem para dar valor ao que perdemos e ao que que nos resta.

Senti a importância da saudade na pele. Saudades de quem gosto e de quem quero muito abraçar mas que, infelizmente nesta altura a passagem está barrada devido a um inimigo Invisível. Então, entre a dor e a revolta que sinto, a maior certeza que tenho é que as nossas vivências somam coleções de saudades que marcam a nossa amizade para sempre.

A minha saudade tem um nome e tem um porquê e você já pensou na sua?

Com esta saudade valorizei “é preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã”.

Vem ter comigo. Gosto muito de ti.

Fazes-me falta.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.