Solução para Sport Lisboa e Cartaxo à vista

A decisão final deverá ser tomada esta quarta-feira, ao final da tarde

 

Tudo parece ‘conspirar’ a favor do Sport Lisboa e Cartaxo (SLC). Há duas épocas desportivas impedido de utilizar a sua casa de há muito – o velhinho Campo das Pratas – a Comissão Administrativa pode começar a respirar de alívio, pois a solução parece estar mesmo ‘ao virar da esquina’.

Segundo o Jornal de Cá apurou, perante a disponibilidade do proprietário do terreno em que está instalado o Campo das Pratas, Manuel Marques, para que o sintético possa de lá ser removido, mediante a retirada do processo de expropriação, reforçou-se a possibilidade de ser dado um terreno ao clube, pela Câmara Municipal.

Embora o Sítio do Pedregal ainda possa ser uma possibilidade, a hipótese que parece ganhar mais força é a de um terreno com 12 mil metros quadrados, situado junto ao Quartel da GNR na cidade, bem perto do Estádio Municipal e da Quinta das Pratas. Este é o terreno para onde chegou a estar projetada a construção do Pavilhão Desportivo Municipal, situação que foi, depois, descartada, por ser atravessado por uma linha de água.

Esta situação poderá levar o clube a resolver, igualmente, a situação de vazio diretivo. Paulo Magro, da Comissão Administrativa, diz que “havendo uma abertura, agora mais concreta, da Câmara, já nos põe a pensar que poderemos arranjar uma nova Comissão com alguns dos elementos que não se importam de continuar, ajustando com outros que não se importam de entrar”.

A decisão final deverá ser tomada esta quarta-feira, ao final da tarde, já que é necessário fazer medições para perceber se é ou não possível instalar o campo neste terreno.

Fique a saber tudo na edição impressa do Jornal de Cá, nas bancas na sexta-feira, 2 de junho!

Pode gostar também

Comentários estão fechados.