Somos pessoas da saúde

 

ceficarteMaria do Rosário Roda e Ilídio Vargas são fisioterapeutas e todos os dias «deitam mãos» ao sucesso da reabilitação dos seus doentes

Maria do Rosário Roda, 57 anos, é fisioterapeuta há 40 anos e tinha 45 quando resolveu constituir a sua própria empresa. A Ceficarte abriu portas a quatro de julho de 2005, “conhecendo as necessidades da população do Cartaxo e arredores, a clínica deu os primeiros passos, tendo em consideração a doença e a vontade de a tratar, sem a ambição de enriquecer, tendo preços acessíveis, desde o início. Passados dois anos de existência, já não aguentava a quantidade de trabalho e foi contratado mais um fisioterapeuta, o Ilídio Vargas, que se juntou à equipa”, ainda a terminar o curso. “Ele gosta muito do que faz, é inteligente e um bom profissional”, afirma a terapeuta.

A Ceficarte é uma clínica de medicina física e de reabilitação, a única no Cartaxo homologada pela Direção Geral de Saúde. Ao longo da sua existência foi aumentando a oferta de especialidades ao utente, “temos um grande neuro cirurgião, a trabalhar conosco, o Dr. Eduardo Bernardo, do Hospital de São José; também alargámos para a ortopedia, psicologia educativa infantil e nutricionismo, áreas que precisávamos de colmatar com a fisiatria. Nesta evolução, achei interessante a clínica poder oferecer aos seus utentes, especialidades da medicina alternativa, como é o caso da osteopatia e da acupunctura”, lembra Maria do Rosário.

Na Ceficarte, toda a gente tem formação em saúde, “somos pessoas da saúde”, refere Maria do Rosário Roda, que nos últimos anos se especializou no tratamento de crianças portadoras de deficiência, mantendo a área da fisiatria como forma de atuar e de pensar.

A Clínica tem como profissionais residentes além dos fisioterapeutas Maria do Rosário Roda e Ilídio Vargas, o neurocirurgião Eduardo Bernardo, a fisiatra Irene R. Santos, o ortopedista Jorge Ramos e Margarida Quental em clínica geral. A Ceficarte tem ainda, diariamente, serviços de enfermagem com Brigite Reis. Na área da medicina alternativa a acupuntura está a cargo de Carla Ferreira. A clínica conta, ainda, com a terapeuta da fala Susana Sousa em mais um serviço que oferece aos seus utentes.

Mais artigos
1 De 41

Ilídio Vargas ainda estava a terminar o curso, aos 21 anos, quando entrou para a equipa da Ceficarte. Além de ser fisioterapeuta também é osteopata, complementa as duas especialidades no seu trabalho com o doente, conseguindo, assim, obter melhores e mais rápidos resultados em situações específicas.

A clínica tem um atendimento personalizado, “estamos atentos ao doente, temos diariamente cerca de 60 utentes, o que para o espaço e a quantidade de funcionários que temos é um número que nos permite fazer um trabalho de qualidade, hoje, por norma, o utente sai daqui satisfeito”, conclui Maria do Rosário Roda.

 


 

Pode gostar também

Comentários estão fechados.