‘Tejo a Copo’ este sábado em Santarém

Este sábado, 7 de março, realiza-se a edição ‘Tejo a Copo 2020’, o evento em que os Vinhos do Tejo são reis, no Convento de S. Francisco.

Das 15h às 21h, com entrada livre, é uma excelente oportunidade para entusiastas vínicos e enófilos contactarem de perto com alguns dos melhores ‘Vinhos do Tejo’ e com quem os produz. São os produtores e os enólogos que dão a cara pelos seus vinhos em prova, alguns deles em pré-lançamento ou em estreia.

Foi estratégia da CVR Tejo realizar este evento no Ribatejo, a fim de promover os ‘Vinhos do Tejo’ e a sua gastronomia, mas também o vasto património territorial e cultural da região. “Se os vinhos e a comida são facilmente transportáveis para outras paragens, como as grandes capitais de Portugal e do Mundo, o seu habitat (que é história e criar estórias) nem tanto! E é este um fator cada vez mais importantes e decisivo na eleição de um vinho”.

Composta por 20 produtores, a lista de presenças do ‘Tejo a Copo 2020’ já é conhecida. A autoria dos petiscos presentes na edição deste ano cabe aos scalabitanos Tascá e Pigalle, restaurantes que vão estar representados no evento.

Ao longo da tarde, vão acontecer três ‘Conversas Vínicas’, durante as quais o sommelier Rodolfo Tristão, consultor da CVR Tejo, vai desconstruir seis a sete vinhos, de forma informal e com mensagens claras, numa troca de ideias intimista: às 16h, Fernão Pires – a casta rainha; 17h30, Castas Internacionais: brancos e tintos do Tejo; e às 19h, Vinhos do Tejo que sabem envelhecer. Estas conversas são gratuitas e de inscrição no local.

A entrada no ‘Tejo a Copo’ é livre, mas quem quiser provar os vinhos do evento tem que adquirir o copo do evento, disponível por 3 euros. Os petiscos têm um custo unitário de 3,50 euros.

Mais artigos
1 De 12

Produtores presentes no ‘Tejo a Copo 2020’
Adega de Almeirim, Adega do Cartaxo, Casa Cadaval, Casal da Coelheira, Casal das Freiras, Casa Paciência, Casa Romana Vini, Companhia das Lezírias, Enoport Wines, Escaravelho Wines, Falua, Fiuza, Parras Wines, Quinta da Alorna, Quinta da Atela, Quinta da Badula, Quinta da Lagoalva, Quinta da Lapa, Quinta da Ribeirinha, Vinhos Zé da Leonor.

Pode gostar também
Comentários
Loading...