Um Conto de Natal de Charles Dickens

Com encenação de Frederico Corado, no Centro Cultural do Cartaxo

Dedicado ao público infantil, o imortal clássico de Charles Dickens sobe à cena no Centro Cultural do Cartaxo, pela Área de Serviço, num espetáculo para celebrar o Natal e a união entre os homens. A não perder, dia 16 de dezembro, às 16h.

A Área de Serviço propõe com “Um Conto de Natal um espetáculo de grande qualidade, com uma mensagem que devemos divulgar: a união entre todos!”

Ebenezer Scrooge é um homem de negócios obstinado na Londres vitoriana. Na véspera de Natal, o avarento Scrooge é visitado pelo fantasma de seu sócio, Jacob Marley. É dito a Scrooge que o que fazem em vida determinará o que lhe acontece na vida após a morte. Marley diz a Scrooge que ele será visitado por três fantasmas e tomará conhecimento do que lhe acontece. O primeiro espírito, o Fantasma do Natal Passado, mostra a Scrooge que ele era um jovem feliz, despreocupado e apaixonado, mas o dinheiro tornou-se o seu maior desejo. O Fantasma do Natal Presente mostra como vivem os outros, incluindo seu sobrinho Fred e seu empregado Bob Cratchit, o Fantasma do Natal Futuro, mostra a Scrooge o destino que o aguarda. Scrooge aprende com as suas visitas e transforma-se num homem diferente, mesmo a tempo do Natal.
É possível que nenhuma outra peça de ficção tenha tido uma influência cultural tão abrangente como a que pode ser atribuída “Um Conto de Natal” de Charles Dickens.

Com Frederico Corado, Tomás Formiga, Rui Manel, Maria Inês, Beatriz Dinis, Beatriz Lamarosa e Inês Magalhães. Encenação e Adaptação de Frederico Corado, a partir do livro de Charles Dickens; Cenografia – Frederico Corado com construção de Mário Júlio; Vídeo – Rui Manel; Produção da Área de Serviço – Frederico Corado, Florbela Silva e Vânia Calado; Desenho de Luz: Bruno Santos; Fotografia: Vitor Neno; uma Produção da Área de Serviço; com o apoio do Centro Cultural do Cartaxo e da Câmara Municipal do Cartaxo.

Pode gostar também