Valorizar as pequenas coisas

Vasco Cunha | Vasco Cunha

1 A manhã chuvosa na abertura da AGROGLOBAL – Feira das Grandes Culturas (em Porto de Muge – Valada), não impediu que a sua 4ª edição fosse um sucesso. Este certame tem todos os ingredientes para se tornar ímpar na vida agrícola nacional. Realizado cá! Mais de 150 hectares nos campos da Lezíria do Tejo, adaptados para as principais empresas que operam na agricultura competitiva, demonstrando (em campo real) as novas soluções de tecnologia e mecanização, expondo uma gama de produtos e serviços. Em paralelo, há vários debates com as preocupações mais recentes do sector. Os milhares de visitantes suscitam uma oportunidade para o nosso município.

2 Como se esperava a Câmara do Cartaxo vai aderir ao Fundo de Apoio Municipal (FAM). Este é o mais recente mecanismo criado pelo Estado para fazer o resgate das autarquias em grave desequilíbrio financeiro. Já estamos fartos de resgates. Foi a Administração Central. A Administração Regional. O sistema financeiro. Os hospitais-empresa. As empresas públicas. A Parque-Escolar. As Parcerias-Público-Privadas. Chegou a vez das Câmaras Municipais. Nem todas estão em má situação financeira. Afinal, elas são 308. Todavia, algumas ultrapassaram os limites da má gestão. Faltam vários anos até que as contas da nossa autarquia voltem a ser saudáveis. Até lá, e para já, vamos pagar todos os Impostos Municipais pela tabela máxima! Estamos numa das autarquias com piores indicadores financeiros do país!

3 Os últimos anos têm sido particularmente dolorosos. Todos nós temos perdido familiares e amigos à conta do conhecido cancro. Tem sido devastador. Não importa a razão ou a sua natureza. Já não há idade potencial para a desgraça. Dá a ideia de que os progressos científicos não são suficientes. Maldita doença.

4 O nascimento de um jornal é um momento marcante para uma comunidade. Estar aqui, neste parto, só pode dar orgulho. Mas também é preciso que a comunidade se identifique com este nascituro. Que o faça seu. Faz-nos falta um jornal. Para ler as notícias de Cá. E para refletir com isso. Com orgulho de ser de Cá. E de estar Cá! Parabéns a toda a equipa e em especial à Fátima Rebelo. Longa vida…

Pode gostar também

Comentários estão fechados.