Cartaxo não autoriza alargamento de horários dos supermercados

O presidente da Câmara Municipal do Cartaxo não vai autorizar o alargamento do horário das superfícies comerciais, aos fins de semana, tal como pretendiam fazer as lojas Pingo Doce.

O Jornal de Cá sabe que o presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Ribeiro, vai emitir um despacho, esta sexta-feira, 13 de novembro, que não permite o alargamento de horário de superfícies comerciais, nomeadamente a abertura às 6h30 da manhã, como anunciou o Pingo Doce. Várias autarquias, entre as quais Cascais e Lisboa, tomaram a mesma posição de não permitir este alargamento de horário.

Para além disso, sabe o Jornal de Cá, que a Câmara do Cartaxo, a par de outras autarquias, está a avaliar a possibilidade, do ponto de vista jurídico, de o pequeno comércio tradicional manter os horários até então estabelecidos, possibilitando a sua abertura aos fins de semana à tarde. Esta é uma informação de que lhe daremos conta, assim que surgir uma informação oficial.

Entretanto, o Pingo Doce emitiu um comunicado onde informa que “os horários habituais das suas lojas se manterão inalterados”, depois da tamanha “controvérsia nacional” criada após o anúncio de alargamento do horário das suas lojas .

Pode gostar também