PSD pede “medidas urgentes de intervenção nos espaços públicos”

A Assembleia de Freguesia da União de Freguesias do Cartaxo e Vale da Pinta, reunida no passado dia 25 de junho, voltou a debruçar-se sobre o estado dos espaços e equipamentos públicos do Cartaxo, com os eleitos do PSD a proporem a aprovação de uma “declaração da assembleia”, sobre “o estado degradado” destes espaços da freguesia, com a finalidade de ser remetida ao presidente da Câmara Municipal, Pedro Ribeiro.

“Na verdade, é bom lembrar que a manutenção destes espaços públicos da nossa freguesia é da exclusiva responsabilidade da Câmara Municipal, excetuando-se a Quinta de Santa Eulália – de acordo com os protocolos de delegação de competências. Ainda assim, é de assinalar que a Junta de Freguesia tem acorrido a outros espaços públicos da freguesia”, referem os eleitos pelo PSD na Assembleia de Freguesia da União de Freguesias Cartaxo e Vale da Pinta.

Nesta declaração o grupo do PSD, chama a tenção para “o estado degradado em que se encontram os espaços públicos pertencentes à freguesia do Cartaxo – que a todos os eleitos preocupa”. “Estamos a falar de espaços verdes e de lazer descuidados, estamos a falar estradas danificadas, estamos a falar de passeios cheios de ervas, entre outras situações do conhecimento público. A manutenção destes espaços públicos é da competência exclusiva da Câmara Municipal do Cartaxo”, afirmam os sociais-democratas que solicitam ao presidente da Câmara “que tome medidas urgentes de intervenção nos espaços públicos da área da freguesia do Cartaxo, cuja competência pertence à Câmara Municipal do Cartaxo”.

Isto, continua a declaração do PSD, “por questões de elementar justiça, porque a Junta de Freguesia desta União de Freguesias tem mantido os espaços públicos a seu cargo, e para além disso, intervém em outros espaços da competência da Câmara Municipal; porque entendemos que se deve começar a investir, de uma vez por todos, na melhoria da qualidade de vida dos fregueses do Cartaxo, para que a mesma se aproxime daquela que assiste aos fregueses das restantes freguesias do concelho; porque este é assunto que nos une a todos”.

A proposta do grupo do PSD foi aprovada, com a abstenção do presidente da mesa da Assembleia, Artur Caetano, que diz concordar com a mesma, mas que compreende as dificuldades da Câmara, considerando que “temos de ter paciência e compreensão”.

Pode gostar também

Comentários estão fechados.